2 de out de 2016

Igreja Mundial e duas igrejas Universal do Rio amanhecem lacradas pelo TRE




Três igrejas evangélicas do Rio e da Baixada Fluminense foram lacradas por fiscais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Além da Igreja Universal de Duque de Caixas e a Igreja Mundial de Belford Roxo, ambas na Baixada, a Igreja Universal de Del Castilho também foi fechada. No local, maior templo na Região Metropolitana, foram apreendidos mais de mil santinhos do candidato Marcelo Crivella (PRB), além de formulários com a qualificação e o número do título de eleitores.

Já no prédio da Igreja Universal do Reino de Deus em Duque de Caxias, foram apreendidos material de campanha e listagens com números de títulos de eleitor.

Segundo a GloboNews, a propaganda também era de Crivella (PRB). Entre o material, estava um formulário que era preenchido pelos eleitores com dados pessoais, inclusive a zona eleitoral e a seção em que votam.

Os fiscais também apreenderam um papel em que aparece um e-mail do candidato. Todo o material foi encaminhado para o Ministério Público. Segundo o TRE, dependendo da análise do material, o candidato pode responder por abuso de poder econômico ou propaganda irregular.

O Rio foi o estado do Brasil com o maior número de ocorrências de irregularidades no primeiro turno das eleições. Ao todo, foram 778 registros de casos envolvendo uso de alto-falantes e de boca de urna. A Procuradoria Regional Eleitoral propôs 62 ações por propaganda irregular. Mas esses não foram os únicos problemas a incomodar os eleitores. No total, 712 urnas eletrônicas no estado precisaram ser substituídas. Também houve casos de urnas que pareciam não ter registrado o voto e os eleitores ficaram confusos.



Leia mais: EXTRA
← ANTERIOR PROXIMA → INICIO

0 comentários:

Postar um comentário